Bastidores da despedida de “Supernatural” na San Diego Comic Con 2019

Por: Raquel Zambon

Se você é fã de “Supernatural”, com certeza já assistiu o vídeo do último painel da série na Comic Con e já se emocionou com os comentários de Jensen, Jared, Misha, Alex e produtores do nosso amado show. Entretanto, sabemos que estar presente no painel é uma experiência completamente diferente! É por isso que, hoje, decidi compartilhar com vocês um pouquinho das emoções que vivi no hall H no último domingo.

 

 

Cheguei ao San Diego Convention Center em torno das 8h da manhã e fiquei aguardando a liberação da entrada dos membros da imprensa. O ambiente estava meio agitado e ouvi pessoas à minha volta falando sobre uma surpresa que aconteceria em alguns momentos. Esperei para ver o que poderia ser e dei sorte: ao olhar para a minha frente, vi Misha Collins, Osric Chau e Alaina Huffman saindo de uma tenda branca e se dirigindo para a fila do hall H!
Em meio a gritos histéricos dos fãs, os atores agradeceram a presença de todos e começaram a distribuir cookies para tornar a espera pelo painel mais agradável. O rótulo dos cookies convidava os fãs a visitarem spnfamilyvalues.com e fazerem doações para o fundo humanitário que está auxiliando os imigrantes presos na fronteira dos EUA. Só Misha consegue fazer uma boa ação enquanto deixa os fãs felizes ao mesmo tempo!

 

Em seguida, fãs, imprensa e convidados entraram no hall H e buscaram por seus lugares. A espera pelo painel foi breve e logo pudemos ver Richard Speight Jr. e Robert Benedict no palco, vestidos de Castiel.

Com seu bom humor impecável, Richard e Robert trocaram piadas e apresentaram um vídeo de retrospectiva com os principais pontos do roteiro de cada uma das temporadas de “Supernatural”. Para os fãs, essa visita ao passado foi extremamente significativa: a cada personagem importante que aparecia na telinha (entre Bobby, John Winchester, Charlie e outros), grupos de pessoas gritavam e aplaudiam. Quando o vídeo chegou à metade, a trilha sonora mudou para “Carry On My Wayward Son” e era possível ouvir os fãs cantando junto na plateia. Confesso que o pessoal da área de imprensa achou meio estranho quando eu comecei a cantar a plenos pulmões… Mas foi, sem dúvidas, um momento épico!

Jensen Ackles, Jared Padalecki, Misha Collins, Alexander Calvert, Robert Singer, Andrew Dabb, Bobo Berens, Eugenie Ross-Leming e Brad Buckner subiram ao palco ovacionados pelos fãs e começaram a falar sobre a inesquecível experiência de fazer parte do show.

“Amigos de uma vida inteira, experiências de uma vida inteira – é difícil colocar em palavras” foi a definição de Jensen para a relevância de “Supernatural”. Esse, para Jared, também é o principal legado deixado pela série: amizades que seguirão, uma esposa que lhe trouxe seus filhos, um trabalho e um personagem que ele ama. Foi emocionante ver os dois atores falando do impacto de “Supernatural” em suas vidas porque é incrível saber que o show os transformou tanto quanto transformou aos fãs. Acredito que seja por isso que eles sempre foram tão amáveis, respeitosos e carinhosos com o fandom: eles sabem que as pessoas se apaixonaram por um show que têm muito significado na vida delas porque sentem o mesmo.

Os atores e time criativo chegaram a falar um pouquinho sobre a 15ª temporada, afirmando que teremos o livre arbítrio como tema central e que diversos personagens importantes retornarão – Alex Calvert confirmou, inclusive, que Jack retorna de alguma maneira. Andrew Dabb acredita que 30% dos fãs ficarão bem felizes com o final que eles estão programando. Entretanto, o tema da última temporada ficou para segundo plano – o que os atores queriam realmente era agradecer os fãs e viver aquele momento de despedida da forma certa.

Por falar em agradecimento aos fãs, o painel teve uma surpresa que deixou todos os presentes chocados: após exibirem um vídeo sobre Baby e a importância do carro para a história do show, Jensen e Jared anunciaram que um dos fãs presentes ganharia uma das versões do Impala usada nas gravações. A fã Laura Dittrich, do Oregon, foi ao microfone quando soube ter sido sorteada e deu para perceber por sua reação que ela não estava acreditando no que havia acontecido. Essa viagem de carro da Califórnia para o Oregon deve ter sido sensacional!

No final do painel, os produtores começaram a agradecer aos fãs e ao elenco pelo show e foi aí que as coisas ficaram seriamente emocionais. Com Jared Padalecki em lágrimas e Jensen e Misha com os olhos marejados, os meninos afirmaram que o show se vai, mas que a família “Supernatural” viverá para sempre. O amor dos fãs pelo show é o grande legado criado por eles.

“Eu espero que vocês continuem a ser uma força do bem e de amizade no mundo. Vocês sempre apoiaram tanto uns aos outros e também a nós. Eu acho que isso não vai acabar quando o show sair do ar”, afirmou Misha Collins emocionado.

Olhei à minha volta no hall H (mesmo que não estivesse conseguindo enxergar muito bem por conta das lágrimas!) e não vi uma pessoa que não estive emocionada, tanto no palco quanto na audiência. A verdade é que o que “Supernatural” construiu é muito maior do que um show de televisão ou um momento de entretenimento: é, honestamente, uma família. As pessoas não fazem ideia do quanto isso é raro em Hollywood.

Nosso amado elenco deixou o palco aplaudido de pé pelos fãs. Eles vão para a construção de uma nova temporada esperando oferecer um final épico para aqueles que os apoiaram durante toda a carreira. Mal sabem eles que, para a gente, “Supernatural” também é eterno.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *