Coreia é Aqui: “Mr. Sunshine” – Uma história de amor em tempos de guerra

Por: Luana Mattos

Assim como a rivalidade “Brasil vs. Argentina” começou muito antes das competições em campos de futebol, a Coreia do Sul e o Japão compartilham uma rivalidade histórica marcada por muita luta e derramamento de sangue. É neste plano de fundo de guerra que o drama histórico “Mr. Sunshine” retrata com maestria a história do povo coreano, suas lutas, perdas e vitórias. A resiliência de um povo que se nega a aceitar a destruição de sua pátria e que por ela está disposto a entregar sua vida!

Em uma Coréia em busca de sua independência do Império japonês, nós conhecemos o pequeno Yu Jin, filho de escravos e sem qualquer expectativa de um futuro diferente de seus pais. Mas a ganância de homens poderosos e o destino traçam um curso diferente para esta história, e o pequeno Yu Jin logo se torna um órfão fugitivo contrabandeado em um navio rumo aos Estados Unidos, lá ele se depara com a dura realidade de ser um estrangeiro em uma terra tão diferente da sua, mas ele encontra seu caminho servindo como soldado na Marinha Americana.

Anos se passam e o Capitão Eugene Choi recebe uma missão especial em Joseon (antigo nome da República da Coréia), sua cidade natal, nesta jornada ele traz de volta consigo um desejo de vingança, um coração amargurado e uma profunda tristeza. Para Eugene, estar em Joseon era como o gatilho de seu rifle, capaz de causar um estrago irreparável, somente quando seu olhar cruza com o de outro snipper na calada da noite é que tudo começa a mudar.

A jovem Go Ae Shin é tudo que se pode esperar de uma moça de família nobre, roupas finas, pele sedosa, cabelo impecável. Educada e de poucas palavras, prometida em casamento desde a infância, suas preocupações são: bordar e aprender como ser uma boa esposa e mãe. Ao menos era assim que as coisas deveriam ser, mas Ae Shin é como uma chama, intensa e fugaz, ela não é como as outras jovens de sua idade, ela não aceita rótulos e destinos selados.

Tensão à primeira vista, é assim que essa história de amor e finais tristes começa, também, não poderia ser diferente com ambos apontando uma arma na direção do outro. Afinal, confiança é uma palavra que escreve com evidencias e é testada pelo tempo.

A desconfiança dá lugar a cumplicidade e logo uma belo romance começa a se desenvolver entre Eugene Choi e Go Ae Shin, enquanto personagens secundários como Goo Dong Mae, Kim Hee Sung e a elegante Kudo Hina ganham destaque e garantem seu lugar nos corações dos telespectadores.

Neste universo todos os astros orbitam em torno de Ae Shin, que em minha opinião é a personificação da própria Joseon, pequena e frágil aos olhos estrangeiros, mas forte e digna aos olhos dos seus fiéis patriotas. Cada membro do Exército do Justos luta bravamente para manter Ae Shin viva e Joseon livre, em meio a morte eminente e ao imperialismo japonês, o povo de Joseon não recua e o espírito coreano segue inabalável.

Além deste enredo de forte emoções, a fotografia, a trilha sonora e o elenco repleto de personagens cativantes são o que fazem de “Mr. Sunshine” uma obra-prima reconhecida internacionalmente, e, portanto, uma opção imperdível para os fãs da cultura coreana.

Para mais detalhes históricos deixo essa recomendação de leitura

 

Um comentário sobre “Coreia é Aqui: “Mr. Sunshine” – Uma história de amor em tempos de guerra

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *