“Adoráveis Mulheres”: Nova versão do clássico estreia neste Natal nos EUA recheado de grandes mulheres

“Mulheres têm mentes e têm almas, assim como corações. Elas têm ambição e talento, além de beleza. Estou tão cansada de pessoas dizendo que o amor é tudo o que uma mulher precisa. Estou tão cansada disso! “ Jo March, Adoráveis Mulheres

Nessa véspera de Natal, Hollywood é Aqui celebra “Adoráveis Mulheres” talentosas e personagens inspiradoras que, tanto na literatura, como no cinema, marcaram a vida de jovens de diferentes gerações, pelo mundo afora.

Eu ainda me lembro quando assisti “Adoráveis Mulheres” estrelado por Winona Ryder, em um cinema, no Rio de Janeiro, em 1994. A estória baseada no clássico da literatura norte-americana, escrito por Louisa May Alcott, mostra uma família de mulheres guerreiras, com personalidades e interesses diferentes e marcantes, lideradas por Joe, a irmã que em 1868 já tinha ideias e ideais muito a frente do seu tempo.

Quando eu li que Greta Gerwig (“Lady Bird”) iria adaptar para telona e dirigir a quarta versão para o cinema (a primeira foi em 1933, a segunda em 1949 e a terceira em 1994), eu fiquei aliviada e curiosa para ver como uma das minhas roteiristas e diretoras favoritas, desde antes de concorrer ao Oscar por “Lady Bird”, iria apresentar a família March, em 2019.

 

Já tive a oportunidade de assistir ao filme duas vezes, em sua pré-estreia, e fiquei muito feliz e bem impressionada de como Greta conseguiu reinventar um clássico, sem deixar a essência da obra de lado, mas ao mesmo tempo incorporando varias questões que estamos vivendo hoje, especialmente pós movimento Me Too.

Com um elenco estrelar liderado pela minha amada Saoirse Ronan, a própria Lady Bird, Meryl Streep, Laura Dern, Timothée Chalamet, Emma Watson, Florence Pugh e Elize Scalen, o filme não só conta com performances de tirar o fôlego, como com uma fotografia belíssima, assim como um figurino que destaca a característica dos personagens e uma trilha sonora que contribui para contar a própria estória.


Indicado para vários prêmios, incluindo o Globo de Ouro, “Adoráveis Mulheres” é um dos favoritos na corrida do Oscar. Para a minha felicidade tive o prazer de encontrar as mulheres da família March e Greta no evento Deadline Contenders, em NY.

Nos bastidores o carinho, a amizade e o respeito que as atrizes tem uma pelas outras e mais ainda, a grande admiração e orgulho que sentem por trabalharem com Greta, acentuam o brilhante e emocionante trabalho que elas fizeram na telona.

Sou fã de carteirinha desse grupo de mulheres que usa a sua voz  para realizar um trabalho inspirador como Adoráveis Mulheres, que estreia nos EUA amanhã, dia do Natal e no Brasil, dia 9 de janeiro. E, neste Natal, o grande presente que peço ao Papai Noel é que as mulheres sejam mais ouvidas, valorizadas, respeitadas pelo seu talento, personalidade, beleza, seus sonhos, objetivos, suas ideias, seus desejos. Sejam remuneradas adequadamente e sempre celebradas.

Feliz Natal!

vvvvv
vvvvv As irmãs Jo (Saoirse Ronan), Beth (Eliza Scanlen), Meg (Emma Watson) e Amy (Florence Pugh) amadurecem na virada da adolescência para a vida adulta enquanto os Estados Unidos atravessam a Guerra Civil. Com personalidades completamente diferentes, elas enfrentam os desafios de crescer unidas pelo amor que nutrem umas pelas outras. Fonte: http://www.adorocinema.com/filmes/filme-224808/
vvvvv


Trailer legendado:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *