Bate-papo “#ChamadaDeVídeo” indica filmes nacionais imperdíveis para maratonar durante a quarentena

Por: Victor Magavi

O quadro #ChamadaDeVídeo surgiu da união de diversas questões: a primeira, eu não conseguiria criar vídeos novos para o IGTV, com monólogos, porque precisaria sair à rua atrás de elementos, e em época de quarentena isso não seria uma atitude saudável; depois, queria aproveitar o tempo que as pessoas estão em casa para propor alguns papos. Incialmente, o projeto era realizar uma live semanalmente, mas isso exigiria uma internet ótima e disponibilidade religiosa dos amigos-convidados; por último, mas não inferior em sua importância, a realidade de ter um canal no YouTube – estendendo, assim, meu leque de possibilidades para criar conteúdo (não só artístico) à Internet.

A primeira convidada não poderia ser ninguém além da Claudinha. Somos amigos há anos e internet foi o que nos uniu. Não sei como serão os próximos meses, apesar de rezar pelo planeta. Todavia, a quem está em casa em isolamento social, é uma ótima alternativa conhecer o nosso cinema nacional. E esse é o tema da primeira #ChamadaDeVídeo, que como diz o nome, é a gravação de uma conversa linda e rica que tive com Claudinha à distância fisicamente, e bem de pertinho no carinho e respeito.

Vem conferir:

 

 

Os filmes indicados por Claudia, no quadro Chamada De Vídeo, estão entre os 100 melhores filmes brasileiros eleitos pela Associação Brasileira de Críticos de Cinema. (ABRACCINE)Você pode assisti-los gratuitamente. Todos os 100 filmes estão disponíveis nessa pasta:
https://drive.google.com/drive/folders/1F_m0VLaW2WkLiNtWSQu-aMvpj2QmYzO3?usp=sharing

 

 

 

 

 

 

 

Victor Magavi:
“Sou a última geração dos anos 90 e a primeira que ainda estava aprendendo a andar no início do novo milênio (o que não mudou, só que agora é no sentido figurado). Ator por amor desde a infância e, hoje, exploro organicamente a cultura brasileira e estudo publicidade. De forma independente, também publico meus monólogos na internet e outras obras. Amo cinema, teatro, música, literatura, escrita, comunicação social, web design, viagem e várias outras coisas como um tradicional geminiano. Acredito na união do coletivo.”
@luanatmattos

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *