Desventuras em Série – A Incrível e “deprimente” série do Netflix

Por: Luan Menezes

“É melhor não olhar, melhor não olhar, não olhar, não olhar… A série que vai destruir sua noite e o seu dia. E, a cada cena deprimente, causa nostalgia, é bem melhor não olhar…”.

De todas as estreias de 2017, “Desventuras em série” era sem dúvidas uma das mais aguardadas. Eu inclusive já havia comentado sobre ela aqui na coluna que era uma das séries do Netflix que eu estava doido para conferir. Devo confessar a vocês uma coisa eu estou completamente encantado com toda produção, elenco, cada detalhe, cada som e cada locação e efeito especial.

desventuras (5)

“Desventuras em série” (Lemony Snicket’s A Series of Unfortunate Events) foi adaptada inicialmente como filme (2004) onde acompanhamos a mágica interpretação de Jim Carrey como Conde Olaf e com um final tecnicamente “feliz”, diferente um pouco dos livros.

“A Series of Unfortunate Events”, o nome da série de 13 livros que deu origem ao filme, e a série foram escritos por Lemony Snicket (pseudônimo de Daniel Handler) e é, sem dúvida, uma das leituras “mais deprimentes e interessantes”’ que você vai ler em toda sua vida rsrs.

Em 13 de janeiro, o Netflix lançou a primeira temporada do seriado que foi baseado nos quatro primeiros livros da série (Mau começo, A Sala dos Répteis, o Lago das Sanguessugas e Serraria Baixo-Astral).

desventuras (1)

Sinopse

Klaus, Violet e Sunny são três irmãos que repentinamente recebem a notícia de que seus pais morreram em um incêndio. Como são menores de idade eles não podem ainda herdar a fortuna de seus pais, o que apenas ocorrerá quando Violet, a mais velha, completar 18 anos. O trio passa então a morar com o Conde Olaf, um “parente” distante bastante ganancioso, que deseja tomar a fortuna das crianças para si. Para atingir sua meta Olaf não medirá consequências.

desventuras (2)

Logo no início, Neil Patrick Harris nos avisa cantando que não devemos assistir a este seriado, pois, não há nada mais deprimente na televisão do que a história dos órfãos Baudelaire. A produção da série conta com um trabalho muito bacana com uma ambientação bem curiosa em vários momentos você acha que está assistindo um filme antigo, porém, completamente atual o que deixa a dúvida em que ano se passam os acontecimentos ou se estamos em uma realidade distinta do que poderia ser uma timeline do nosso mundo atual. Cada livro foi divido em dois episódios o que deixou a história bem completa e interessante de ser acompanhada. O suspense ou a procura por sinais de que a série irá acabar bem são bem alimentados com as narrações do próprio autor dos livros (interpretado por Patrick Warburton) e, também, com a história paralela de um casal que ao que tudo indicam no início são os pais dos órfãos ou mais uma desventura na vida dessas crianças.

desventuras (3)

O elenco todo da série conseguiu trazer aquele lado irônico e cômico de se falar palavras ‘difíceis’ e explicar o significado delas ao mesmo tempo em que é um fato muito marcante dos livros e do filme. Neil Patrick Harris para mim é o Depp da séries, dar vida ao Conde Olaf, após a grande interpretação de Jim Carrey, não deve ter sido nada fácil e ele simplesmente reinventou o personagem de uma forma que é quase que impossível não odiar e se encantar por ele logo nas primeiras cenas. Malina Weissman, Louis Hynes e Presley Smith foram as escolhas perfeitas para dar vida ao órfãos a semelhança com as características dos livros são surpreendentes o que deixa qualquer um que já leu os livros louco pelos próximos episódios dessa saga quase que perfeita.

desventuras (1)

Para quem nunca assistiu ao filme não tem ideia de como a trama consegue te envolver quase que no mesmo momento que você começa assistir. A cada episódio, narração e acontecimento você é preso a tantas dúvidas que estão estampadas na telinha, mas, que você não faz ideia do quão grande essa história pode se tornar de uma hora pra outra.

As expectativas para a segunda temporada estão enormes, acredito que podemos esperar muita coisa boa e interessante a partir do quinto livro da série que é onde a história de Olaf começa a ser contada mais afundo e é onde descobrimos ainda mais sobre a ‘Sociedade Secreta’.

desventuras (4)

Todos os episódios já estão disponíveis no Netflix desde o dia 13 de janeiro a data da segunda temporada ainda não foi divulgada. Diversos veículos divulgam que a estreia da primeira temporada foi uma das maiores do Netflix. E você está esperando o que para aquela maratona de fim de férias para acompanhar mais essa incrível produção? Corre garanto que sua vida é fácil comparada com a dos irmãos Baudelaires.

XOXO
@lmennezes

bio_luan_menezes_2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *