Gossip Girl: Série retorna com todo o seu glamour e veneno na HBO Max

Os Upper East siders e outsiders tiveram o final feliz que mereciam no último episódio da série original, mas a Gossip Girl deixou claro que ela estava apenas tirando umas férias e que ela voltaria para causar ainda mais e usar as redes sociais para contar ao mundo os segredos da elite de Manhattan.

Como o ícone que é, sua ausência durou mais de oito anos. Até que, hoje, uma quinta-feira de throwback no Instagram, ela retornou como se nunca tivesse nos deixado.

Uma nova geração de meninas que dominam a Constance, e de meninos que ditam as regras na Saint Jude, vai ter sua verdade revelada pela fofoqueira que já usava a internet muito antes dos IGs de fofoca pensarem em existir.

Sou fã de carteirinha da série original. Trabalhei com os pais da Blake Lively, que interpretou a diva Serena Van der Woodsen. Conheci Leighton Meester em um show que ela fez em LA, quando Blair Waldorf ainda dominava a escadaria do Met, em NY.

A convite de Chuck Bass me hospedei em seu Empire Hotel e também visitei Dan Humphrey em seu loft no Dumbo, antes de conhecer Penn Badgley, na estreia da série “YOU”, no PaleyFest.

Quase caí quando esbarrei em Chace Crawford fazendo um lanche entre o intervalo das gravações do último episódio do seriado, nos porões do Metropolitan Museum. De todos os anos que tive a honra de trabalhar com Elain e Ernie Lively, receber o convite deles para acompanhar ao vivo o momento que Dan entrega para Nat o último capítulo para publicar em seu jornal, revelando quem é a Gossip Girl, foi um dos momentos mais memoráveis da minha vida de viciada em seriado.

A cena que realizou meu sonho de fã:

 

Acho que depois de tudo isso, vocês podem imaginar as minhas expectativas para assistir ao reboot da série na nova plataforma de streaming da Warner, HBO Max.

Caí da cama super cedo em Los Angeles e dei o play.

Sua voz continua a mesma, assim como o compromisso com seu legado. Um elenco de caras novas, belas e talentosas, que prestigia mais a diversidade, com protagonistas pretas, volta a ser bombardeado pela fofoqueira que, dessa vez, já foi revelada no piloto. A produção é milionária e visualmente perfeita, assim como o figurino e a caracterização dos personagens.

Os veteranos Serena, Blair, Chuck, Dan e Nate são citados logo de cara, enquanto novos conflitos são criados. Recebemos sinais que o bissexualismo será explorado e um trisal pode rolar, o que me lembrou uma faceta do personagem Chuck Bass dos livros, que nunca apareceu na série original.

Algumas locações continuam as mesmas, a moda ainda é um personagem, assim como Nova York. O Instagram deu lugar ao blog e a mensagem de texto à DM.

Muitas diferenças, várias semelhanças. O episódio despertou em mim a vontade de me candidatar para ser professora na Constance. Algo me diz que melhor que o salário, será o acesso às fofocas em primeira mão. E isso já vale um milhão.

Eu sabia que a gente sentia saudades de Gossip Girl, mas não sabia que ela também sentia tanta falta da gente.

Minhas expectativas não só foram atendidas, como superadas. Ainda tenho esperança que a velha guarda apareça em algum episódio para colocar mais fogo no parquinho do lado leste do norte da Ilha, do ladinho do Central Park.

Enquanto espero, lido com os haters que insistem em dizer que não gostam de uma gossip, tudo bem…porque vocês podem não admitir, mas no fundo, no fundo, sabem que me amam.

XOXO….

Como recordar é viver…. relembramos o nosso tour nas locações de “Gossip Girl” (confira os endereços):

https://www.hollywoodeaqui.com/gossip-girl-matando-as-saudades-da-serie-com-um-tour-pelas-locacoes-em-ny/


Nossos dias com Chuck Bass, no Hotel Empire:

https://www.hollywoodeaqui.com/the-empire-hotel-fim-de-semana-em-grande-estilo-na-casa-de-chuck-bass/


A emoção de ter acompanhado a gravação de uma cena do último episódio de “Gossip Girl”:

https://www.hollywoodeaqui.com/nova-iorque-e-elenco-fixo-em-varias-series/


Trailer reboot:

 

Um comentário sobre “Gossip Girl: Série retorna com todo o seu glamour e veneno na HBO Max

  1. Acompanhei a série original e também sou fã de carteirinha; minhas expectativas para o reboot eram altíssimas e foram superadas! Ansiosa para o próximo episódio e torcendo por uma aparição do elenco original, apesar de eu achar que só acontecerá na próxima temporada que, inclusive, já foi encomendada!! Sua matéria está incrível!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *