Sundance Film Festival: Dicas de produções que prometem dar o que falar em 2019

Por: Nicholas Col

Nessa última semana aconteceu um dos maiores festivais de cinema independente do mundo: o Sundance Film Festival, nos Estados Unidos. O festival atraiu dezenas de atores, diretores e produtores à pitoresca cidade de Park City, no estado de Utah, para divulgar os mais de 120 longa metragens. Esse ano, o festival foi marcado pela diversidade de diretores. Mais de 40% dos filmes foram dirigidos ou co-dirigidos por mulheres, 36% por ‘pessoas de cor’ (expressão utilizada nos Estados Unidos para se referir a pessoas que não são brancas ou de origem europeia) e 13% por pessoas que fazem parte da comunidade LGBTQ+.

 

 

O festival ganhou atenção da mídia popular pela presença de Zac Efron, que esteve presente na estreia do seu novo filme “Extremely Wicked, Shockingly Evil and Vile”, drama em que o ator interpreta o famoso serial killer americano Ted Bundy, que foi executado na década de 1980. O filme foi comprado pela Netflix por nove milhões de dólares, mas ainda não tem data de estreia definida.

 

 

Jake Gyllenhall também esteve presente para promover o seu filme meio sátira, meio terror “Velvet Buzzsaw”, que conta a história de um crítico de arte em Los Angeles. O filme já está disponível na Netflix.

 


Para os amantes de sci-fi, o filme Australiano “I Am Mother”, com a consagrada atriz Hilary Swank, promete ser um grande filme de 2019. O longa pós-apocalíptico se passa numa instalação futurística subterrânea comandada por um robô responsável por criar e educar humanos a partir de embriões congelados. O filme conta a história de uma menina chamada Daughter que é a única humana na Terra, até que um dia uma mulher (Hilary Swank) aparece ferida pedindo socorro. Daughter começa então a questionar se o mundo exterior realmente é como foi contado pra ela.

Também presente no festival, o comediante e ex-noivo de Ariana Grande, Pete Davidson, promoveu seu novo filme “Big Time Adolescence”, que conta a história de um adolescente em crise que recebe conselhos de seu melhor amigo (personagem interpretado por Pete), que largou a escola ainda no ensino médio.

Esses são alguns dos filmes mais comentados no festival e que prometem dar o que falar esse ano no cinema. Mas aguardem que amanhã vamos compartilhar com vocês mais obra-primas que assistimos no Sundance Film Festival este ano. Fiquem ligados nessas dicas de cinema imperdíveis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *