Férias na Coreia do Sul: Experiência de um sonho realizado

Por: Yasmin Riechi

Simmm a Coreia do Sul é incrível. Tudo aquilo que você dorameira (o) vê nas novelas ou você Kpopeira (o) vê nas lives nos mvs ou nas fotos dos seus idols, bem daquele jeitinho, tanto as pessoas como os lugares. Nos sentimos dentro de uma novela/série coreana do momento que chegamos até a hora que voltamos.

Eu e minha irmã, Jamile, estivemos em Seul, em dezembro, e foi uma viagem maravilhosa, andamos muito, conhecemos vários lugares que queríamos, e lugares que nos indicaram durante nossa estadia na capital coreana.

Fomos em museu de Kpop, em palácios, parques, no rio Han, nos mercados de rua, nas lojinhas de roupa e de beleza, nas lojinhas de conveniência e em alguns cafés. Experimentamos alguns dos pratos típicos em diferentes restaurantes, fomos nas lojinhas dos bichinhos que são super populares, tentei pegar ursinhos naquelas máquinas (mas não peguei nada), usamos nosso pouco coreano, usamos nosso humilde inglês, e usamos a língua universal da mímica, do sorriso e do apontar também.

Seul para mim, Yasmin, era um sonho de viagem há alguns anos, e eu nem acreditei quando tive essa oportunidade. Mas para minha irmã Jamile, bom ela embarcou na “onda coreana” há pouco tempo, foi mais para ser minha companhia e realizar meu desejo do que por vontade própria. Só que ela gostou bastante, tanto que resolveu compartilhar essa experiência, de uma pessoa não tão conectada ao mundo Coreia.

Então amigos do Hollywood é Aqui, segue a cartinha da minha irmã sobre a viagem para Coreia do Sul.

“Eu sou a Jamile. E quando todos perguntavam “por que Coreia?” Eu sempre respondia “porque a minha irmã escolheu”.

A Coreia passeia pela nossa casa há mais de 7 anos. Por meio de caixas de comidas, k beauty, K pop e muitas novelas coreanas em DVD, fazendo trocas e empréstimos com as amigas k lovers.

Os anos foram passando e a Coreia continuava presente nas nossas vidas. Percebi que precisava entender mais desse mundo quando BTS começou a fazer parte do ‘quiz família’ de fim de ano. Como assim eu confundia eles? Da para reconhecer só pela voz.

E quase como um passe de mágica, a paixão pela Coreia foi crescendo com a mesma velocidade que a Netflix começou a importar as novelas coreanas, para minha sorte.

Um destino que ninguém acreditava mesmo com as passagens compradas. Aulas online de coreano para iniciantes, medo de não conseguir pedir comida ou banheiro. O medo de não gostar da comida, dos lugares, das pessoas fez a própria Yasmin calcular uma viagem com a outra metade em algum lugar mais tradicional, caso fosse muito traumatizante.

O frio foi bem mais agradável do que temíamos, com direito a neve de boas-vindas logo no primeiro dia. Para quem já assistiu qualquer dorama, de qualquer gênero ou de qualquer época, vai se sentir dentro da TV.

Palácios perfeitos, parques com águas que congelam, arranha-céus que brilham e te proporcionam paisagens surreais.

Luzes natalinas, feiras noturnas, mercados de ruas, barraquinhas de comidas típicas. Tudo, tudinho. Com direito à sopa de alga de aniversário e bolo de sorvete. A modernidade e a tecnologia andam de mãos dadas com a tradição do respeito, da hierarquia e dos costumes.

Mas nada seria tão lindo e maravilhoso se não fossem as pessoas. Mesmo com a barreira da língua, em todos, TODOS, os lugares fomos extremamente bem recebidas. E isso foi da nossa anfitriã, na hora de pedir uma comida não tão apimentada, como nas nas ajudas nos pontos de ônibus, metrô ou mesmo paradas no meio da rua. Diversas vezes cutucavam a gente oferecendo ajuda, iam até a plataforma certa do metrô para a gente não se perder. Um respeito pelo bem-estar do próximo que faz tudo fluir em harmonia e te faz sentir bem mesmo estando do outro lado do mundo.

Uma distância enorme do nosso lar, mas que nos fez sentir felizes, realizadas.

E com muita, muita saudade.

E hoje, quando me perguntam “por que Coreia?” a resposta é “porque não a Coreia?”.

Nossa dica para vocês admiradores do entretenimento coreano ou da cultura coreana, ou vocês aventureiros, viajantes, é: quando tiver oportunidade viaje para Coreia.
Coreia porque SIM!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *