Só Seriados: Precisamos falar sobre You!

Por: Raquel Zambon

Hoje é a minha estreia na coluna “Só Seriados” do H&A. Quem acompanha meus posts sabe que eu acabo escrevendo mais sobre eventos… Mas, nos últimos tempos, tenho sentido falta de conversar sobre as séries que amo – e, às vezes, até de ter umas discussões calorosas sobre produções que deixam a desejar! É por isso que, hoje, venho para a “Só Seriados” falar de “You”.

Mas calma: claro que “You” está na minha listinha de favoritas! É fato que a série é amada pelo público brasileiro, mas o legal é que “You” também tem público cativo ao redor do mundo. Quando a segunda temporada estreou, por exemplo, os fãs americanos receberam um mimo especial: a oportunidade de participar de uma semana de caça ao tesouro em Los Angeles.

Como fã, lógico que corri para descobrir tudo sobre a ação. Durante uma semana, a Netflix postou cinco dicas diferentes nas redes sociais de “You”. Os fãs tinham que usar as dicas para descobrir onde o evento aconteceria a cada dia! Consegui participar de uma etapa dessa ação incrível e, além de tomar sorvete grátis na famosa doceria Milk, ainda ganhei um moletom lindo do show. E olha, vou dizer que as filas para os eventos eram imensas, o que só comprova o sucesso da série.

Enfim, vamos ao que interessa: falar sobre a terceira temporada.

Nos novos episódios, nosso casal favorito Joe Goldberg (Penn Badgley) e Love Quinn (Victoria Pedretti) se mudou para o subúrbio, visando uma criação melhor para o filho e um lugar em que pudessem esquecer seu passado.

A série ganhou muito com o cenário de comunidade rica e suburbana dos EUA. Novos personagens, como o excêntrico casal Sherry e Cary Conrad e o jovem Theo Engler, contribuíram muito para o roteiro. E, como fã eterna de “Felicity”, também amei ver Scott Speedman no papel de Matthew Engler.

Love é um show à parte. Victoria Pedretti teve momentos épicos de atuação nessa temporada e temos que confessar que seu “jeitinho serial killer de ser” deixou o talento do marido no chinelo. Toda vez que você pensa que Love não pode ultrapassar um limite, ela vai lá e nos prova que não conhece limites! Simplesmente maravilhosa, né?

Só sei que a terceira temporada é daquelas para se maratonar de novo e de novo: o roteiro fica mais ousado a cada episódio, com acontecimentos que são cada vez mais absurdos e, apesar de tudo, fáceis de se acreditar. E, sem spoilers, claro, tenho de dizer que o season finale é pura perfeição!

Agora, nem tudo são flores no subúrbio de “You”. Confesso que achei que a tratativa de alguns temas sociais, como o bebê de Joe e Love ficar doente porque a filha de um vizinho não se vacinou, totalmente desnecessária. É importante educar o público sobre temas relevantes, mas esse tipo de discussão simplesmente não se encaixa em um show como “You”. Ficou meio over.

 


 

E você, o que achou dessa temporada? Conta aí nos comentários 😊

A quarta temporada de “You” já está confirmada para este ano, quando teremos a oportunidade de ver Joe Goldberg encantando as francesas… Ansiedade define!

 

Raquel Gonçalves Zambon:
É jornalista de Entretenimento e especialista em Comunicação Interna. Divide seu tempo livre entre o vício incurável por filmes, televisão, livros e as gatas Mia e Mel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *