Luke Perry deixa para sempre boas memórias para os fãs

Quando eu sai de uma reunião na manhã de segunda, notei que tinha recebido várias mensagens nas minhas redes sociais sobre a partida de Luke Perry, que ficou famoso ao interpretar o personagem Dylan McKay, na série “Beverly Hills 90210”. Talvez porque o mundo já soubesse que eu sou fã de carteirinha de “Barrados no Baile”, como era chamada no Brasil. Afinal, a minha foto no perfil do Facebook e Twitter é com Jason Priestley, o intérprete de Brandon Walsh e comemorei 2 vezes meu aniversário no apartamento de praia de “Kelly e Donna”, que serviu de locação para a série.

Infelizmente, o ator não resistiu a um derrame que sofreu na semana passada e faleceu aos 52 anos de idade. Ironia do destino que foi justamente no momento que o elenco original de 90210 anunciou que iria retornar para um especial de 6 episódios que serão exibidos na Fox, ainda este ano. Luke estava no elenco da série “Riverdale”, mas segundo a atriz Tori Spelling (Donna Martin), uma das produtoras executivas desta nova versão, o ator estava disposto a participar ocasionalmente, quando tivesse disponibilidade.

Eu garanto que mesmo que Dylan McKay aparecesse em alguns minutos em 1 episódio, os fãs iriam enlouquecer. Luke saiu e voltou de “Barrados no Baile”, mas seu personagem era tão marcante que parecia aquele amigo que a gente fica anos sem ver, mas quando reencontra parece que estivemos juntos ontem. Dylan sempre foi um dos meus personagens favoritos, além de ter sido meu primeiro grande crush na TV. Sem contar que o casal Brenda (Shannen Doherty) e Dylan foi meu primeiro shipp (muito anos antes deste termo existir) e até hoje é um dos meus casais de seriados favoritos.

Fiquei profundamente abalada com a partida de Luke Perry. Como meu amigo Victor Lucas mencionou na mensagem que me mandou “um ídolo quando se vai leva junto parte das memórias que construímos com ele”. Quem é fã e admira algum artista, sabe exatamente o que Victor quis dizer. Eu não poderia ter definido melhor como me senti ao saber da notícia.

 


 

Afinal, “Barrados no Baile” não foi apenas mais um seriado na minha vida, foi um divisor de águas pra mim, para o meu grupo de amigos e para a história da televisão.

Simplesmente não existia nenhuma série que focasse no universo adolescente (“High School”), até seu criador, Darren Star, escrever o piloto de 90210 e levar para Aaron Spelling, o produtor de TV mais famoso de Hollywood no início dos anos 90. Spelling resolveu dar uma chance para o novato e colocou a série no ar. No começo, os números de audiência não impressionaram. Barrados pegou mesmo na segunda temporada, quando episódios inéditos, no clube de praia, foram exibidos durante as férias escolares, no verão de 1992, nos EUA.

O seriado virou um fenômeno mundial e seu elenco, ate então formado por desconhecidos (a mais famosa era Shannen Doherty por conta do filme “Heathers”), virou celebridade da noite para o dia.

 


 

No Brasil estreou na TV Globo, às terças, na Sessão Aventura (que se não me engano hoje é “Malhação”). Eu estava na faculdade, e me viciei imediatamente. Aliás, a maior parte dos meus amigos virou fã de carteirinha. Tanto que fizemos até trabalho, valendo nota, sobre a série em uma das nossas aulas, no curso de Comunicação. Isso sem contar que reproduzimos, numa viagem, o episódio da caixa do tempo (segunda temporada), que, na verdade, revelou alguns importantes “segredos” dentro da nossa própria galera. Foi épico e inesquecível.

Barrados ficou no ar durante 10 anos, e abriu as portas para a produção de todas as séries que a maioria de vocês são fãs, incluindo “Felicity”, “The OC”, “Gossip Girl”, “The Vampires Diaries”, “Riverdale”, entre muitas outras. Pois foi 90210 que mostrou aos executivos em Hollywood que escrever ou adaptar séries para o público jovem dava um excepcional retorno financeiro. Hoje é um dos mercados mais aquecidos da indústria do entretenimento. Quem já fazia parte do Twitterverse, em 2010, deve se lembrar que vários produtores e atores, incluindo Nina Dobrev e Josh Schwartz, criador de “The OC”, postaram uma homenagem e um agradecimento ao seriado, no dia 2 de setembro de 2010, (nos EUA, quando escrevemos uma data, o mês é colocado antes do dia, ou seja 9 (setembro) 02 (dia) 10 (ano) = 90210.

 


 

“Barrados no Baile” influenciou minha vida em vários aspectos, inclusive na minha mudança para Los Angeles há 10 anos. Eu surtei quando conheci Jason e Jennie Garth (Kelly Taylor) e contei para eles quanto a série tinha mudado a minha vida, a ponto de vir morar em outro país, também por conta dela.

Por isso tudo, a partida prematura e, de certa forma, repentina do primeiro membro da minha família 90210, cortou meu coração. Não tive a honra de encontrar com Luke pessoalmente, mas pelo que todos que o conheceram e trabalharam com ele disseram, ele era uma pessoa especial, humilde, generosa. Uma pena não termos nos cruzado, mas, de qualquer forma, todas as aventuras que Dylan McKay viveu na telinha vão morar pra sempre no meu coração de fã.

 


 

Nas palavras de Andrea Zuckerman (Gabrielle Carteris), em seu discurso no episódio de formatura da West Beverly High:

“As memórias que compartilhamos não vão embora porque nós vamos embora. Mesmo se não atingirmos as nossas expectativas no futuro, ninguém pode tirar esse momento de mim, de vocês, de nenhum de nós. Ninguém nunca vai conseguir apagar esse momento, que ficará marcado para sempre.”

Assim que me sinto em relação às memórias que tenho das aventuras que eu vivi com a minha turma de Barrados, nos tempos de faculdade que, por sinal, são meus grandes amigos até hoje, e serei eternamente grata à série e a seus personagens por terem nos trazido tanta inspiração.

Descanse em paz, Luke Perry!

Recomendado para você

Compartilhe

Um comentário sobre “Luke Perry deixa para sempre boas memórias para os fãs

  1. Perda repentina e lamentável, fará tanta falta! Homem iluminado, que ninguem nunca poupou elogios…Por que as pessoas boas vão embora? Fique em paz Luke! Enviando amor e força para toda a família, amigos e fãs ♡

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *