Painéis de séries e programas brilham no evento The Contenders

Eu tenho que confessar que me apaixonei por um psicopata. Joe Goldberg me conquistou desde que assisti a pré-estreia da série “YOU”, que contou com a presença do elenco, no PaleyFest preview, em setembro do ano passado, antes da série virar um vício internacional, depois de estrear também na Netflix.

https://www.hollywoodeaqui.com/paleyfest-em-la-you/

Muito do meu amor por Joe vem da excelente atuação de Penn Badgley que, anos atrás, já era dono do meu coração por conta de “Gossip Girl”.

Melhor que encontrar Penn uma vez foi revê-lo no evento The Contenders, promovido pelo Deadline, que reuniu feras de várias séries que estão na corrida para o Emmy Awards. No painel, eles não revelaram nenhum segredo sobre a segunda temporada, mas afirmaram que vão continuar fazendo a nossa peruca voar. E, como já disse antes, Penn não julga as atitudes de seu personagem, mas, ainda assim, fica intrigado de como Joe conseguiu conquistar tanto Becky como tantas fãs pelo mundo afora, mesmo com suas atitudes assassinas. Acho que ele esqueceu de acrescentar que deve ser por conta do seu próprio charme. Super simpático, mas discreto e humilde, Badgley não lembra nem de longe o psicopata que interpreta, mas o bate-papo com ele só me deu mais razões para ficar ainda mais ansiosa pra ver o que vem por aí.

 

 

Enquanto a gente espera o retorno do seriado, fui fazer uma visitinha na locação que serve como a livraria de Joe em NY, e compartilho com vocês.

 

 

Meu coração passou de histérico para emocionado quando Vanessa Hudges subiu ao palco para falar sobre a sua participação no musical “Rent”, que foi ao ar no canal Fox. Ela já tinha feito parte do elenco deste espetáculo, que é um dos maiores sucessos da história da Broadway, quando foi apresentado no Hollywood Bowl, em Los Angeles, em 2010. Eu tive o prazer de assistir a montagem de “Rent” com Vanessa, assim como assisti em NY com o elenco original, logo depois que estreou em 1996.

A atriz comentou como a dor da perda de seu pai, em 2106, a ajudou a interpretar Maureen Johnson, na versão televisiva do musical e me deixou as lágrimas. Foi um dos momentos mais tocantes do evento, sem dúvidas.

 

 

 Rent

 

E depois das lágrimas, foi a vez de dar algumas risadas com as produtoras poderosas que são as mentes brilhantes por trás das comédias do canal ABC. Mary McCormack (“The Kids are Alright”), Sara Gilbert (“The Connors”) e Molly McNearney (“Jimmy Kimmel”) não só comentaram sobre seus projetos, como arrancaram gargalhadas do público presente com o mesmo senso de humor que fazem das suas séries e do programa do Kimmel sucessos.

The Kids are Alright

 

The Conners

Aliás, Molly é esposa de Jimmy e fez questão de comentar que o filhote deles, que nasceu com um problema no coração, está ótimo. Aproveitou e disse quão perigoso foi dormir com o seu chefe, mas deixou claro que, antes de se envolver com o apresentador, ela já era toda poderosa na redação do show, mostrando que ela é tão divertida quanto os quadros que cria para o programa.

Aliás, no Kimmel eu realizei o sonho de conhecer Oprah Winfrey, ainda vi minha Deusa Demi e meu gato Christian Grey. Sempre vale recordar esses momentos épicos.

Jimmy Kimmel

https://www.hollywoodeaqui.com/jamie-dornan-no-programa-jimmy-kimmel/

 

https://www.hollywoodeaqui.com/dose-dupla-no-programa-jimmy-kimmel-oprah-winfrey-e-the-wanted/

 

https://www.hollywoodeaqui.com/demi-brilha-no-programa-de-jimmy-kimmel/

 

Para fechar o segmento da ABC com chave de ouro, nada melhor que “A Million Little Things”, uma das minhas séries prediletas, que estreou em 2018. Se você já é fã, confira e mate as saudades. E se ainda não assistiu a série, na matéria eu explico porque surtei vendo os atores e o motivo pelo qual este seriado é mesmo imperdível.

 

A Million Little Things

https://www.hollywoodeaqui.com/a-million-little-things-serie-sobre-grupo-de-amigos-aborda-temas-delicados-como-o-suicidio-e-o-cancer/

A personalidade do ator Bob Odenkirk está mais para a comediante Amy Poehler do que para Saul Goodman, personagem que interpretou primeiro em “Breaking Bad” e, hoje, em “Better Call Saul”, de tão divertido que ele é. Já o encontrei em vários eventos e Bob está sempre de ótimo astral, entretendo todos aos seus redor. Crédito ao excelente trabalho que faz atuando na série que já recebeu inúmeras indicações para o Emmy e está mais uma vez na corrida este ano.

Better Call Saul

 

 

Agora confesso que tenho um carinho pra lá de especial por “VIDA”, a primeira série feita de latinos, sobre latinos e para latinos, já que tive a chance de fazer entrevistas exclusivas com a criadora e todo o elenco, antes da estreia da primeira temporada, ano passado ,no SXSW, em Austin. “Vida”, hoje, é um hit premiado, inclusive com um GLAAD Awards, e eu me orgulho de ser fã de carteirinha desde o começo. Torcendo para essa galera bacana conseguir sua vaga nesta concorrida corrida para o Emmy Awards. “Vida” e os latinos merecem este reconhecimento na TV!

VIDA

https://www.hollywoodeaqui.com/serie-vida-aborda-a-cultura-latina-nos-estados-unidos/

 

https://www.hollywoodeaqui.com/vida-nova-serie-aborda-temas-como-preconceito-e-sexualidade/

Quer ver mais detalhes sobre o The Contenders? Confira:

https://www.hollywoodeaqui.com/the-contenders-evento-promove-series-na-corrida-para-o-emmy-2019/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *